novembro 04, 2005

Viver longe de si mesmo é a suprema solidão

...

Évora, 2005
...

3 comentários:

A.na disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
A.na disse...

"...é verdade,calcule-se,
gente sesível e ás vezes boa
mas tão recomplicada,
tão bielo-cozida,tão ininteligível
que já conseguem chorar,com sinceridade,lágrimas cem por cento hipócritas.
Lembro-me de ti poeta
...Viva Mário!
antes a morte que isto!"
(M.Cesariny)

um estranho disse...

a máquina anda sempre ao ombro, de certeza.

Adoro as tuas fotografias porque no momento em que as tiras já deves estar a imaginar o que vais escrever por cima, ou por baixo, é indiferente.

Um bom fim de semana Baggio!